Mistério no Edifício Bergman - Poliana Nogueira (resenha)

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~
Nome: Mistério no Edifício Bergman
Autor: Poliana Nogueira
Ano: 2015
Volume: 1
!!!!PRODUÇÃO INDEPENDENTE!!!!
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~
SINOPSE: Kadu é um jovem rapaz do interior de Minas Gerais que, após a morte de seu pai, se muda para a capital para morar com um tio que ele não via há anos.
Ele precisa se adaptar à sua nova rotina, a uma nova escola, novos amigos e à expectativa do seu primeiro amor. Tudo seria normal, se Kadu não descobrisse que a causa da morte de um morador do prédio onde foi morar com o tio não foi ataque cardíaco, como suspeita a polícia.
Outras mortes aparentemente de causas naturais voltam a acorrer aos moradores do edifício. Intrigado, Kadu e a garota mais bonita do prédio descobrem indícios que as pessoas foram na verdade, assassinadas.
Sem conseguir a credibilidade da polícia, os dois precisarão desvendar o mistério que ronda o edifício Bergman para garantir a segurança de todos, inclusive a deles.

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

RESENHA: 
   O primeiro capítulo se passa antes da história começar. Bruno está em seu apartamento até que recebe um buquê de flores de jade com um bilhete e uma caixa de bombons. Bruno estranhou o bilhete, já que dizia:
"Sinta nas flores o cheiro que delas vem. Prólogo é o que introduzirá a minha meta. Paralisado ficará."
   Após comer os bombons, Bruno começou a se sentir estranho até que não conseguia mais se mexer para pedir ajuda, acabou caindo e morrendo ali, sozinho no seu apartamento.
   A história em si começa um tempo depois, quando Kadu, vindo de Acaiaca, interior de Minas Gerais, vai morar em Belo Horizonte com o seu Tio Neno pois seus pais haviam falecido. Neno é porteiro do Edifício Bergman e mora em um barracão na garagem do prédio para obedecer as ordens dos donos folgados que chamam sempre que acontece alguma coisa.
   Kadu conheceu Tereza, uma mulher muito querida que teria ficado viúva após seu marido sofrer um acidente de avião. O corpo nunca foi encontrado mas os policiais deram por morto devido ao tempo em alto mar, ele não sobreviveria. Tereza não tem filhos, por isso sentiu um enorme amor quando conheceu Kadu, garoto educado e prestativo. Quando perguntou sobre seus estudos, o menino disse que sonha em ser repórter investigativo, mas que parou de estudar na sétima série pois chegou depois que as aulas já tinham iniciado, por isso não conseguiu vaga em uma escola publica e seu tio não tinha condições para pagar uma escola particular. Tereza se sensibiliza com a história do garoto e então resolve ir tentar uma bolsa na escola particular, já que a diretora é sua conhecida. Por falta de sorte, a diretora não estava num bom dia, falou que a escola não é caridade e que se ele quisesse estudar lá teria que pagar. Por ter um bom dinheiro, Tereza não deixou isso passar quieto, começou a bancar os estudos de Kadu.
   Uma estranha morte ocorreu no prédio. Dr. Luiz Brandão faleceu e segundo os policiais, foi de ataque cardíaco. Quando sua filha foi ao prédio buscar alguns pertences do pai, pediu a ajuda de Kadu que de imediato foi ajudar. Ao entrar no apartamento, sentiram um cheiro horrivel vindo de umas flores, quando o menino foi jogar fora acabou achando um bilhete, não aguentando de curiosidade, leu.
"Sinta nas flores o cheiro que delas vem. Primeiro, será aquele que escolhi. Doce e amargo é o sabor que acelera o coração." 
   Apesar de achar a mensagem estranha, o menino não deu muita importância, até que começaram a houver outras mortes por "causas naturais". O que elas tinham em comum? Um buquê de flores de jade e um bilhete cheio de enigmas. 
    Kadu conheceu Tatiana enquanto estava indo para a escola, a garota morava no mesmo edifício que ele, devido à grande convivência, se tornaram grandes amigos. Kadu contou para Tatiana sobre as cartas e falou suas suspeitas, agora juntos, começaram a investigar.

MINHA OPNIÃO:  Achei o livro GENIAL! Esse esquema que a autora fez das cartas para serem decifradas, dos detalhes em toda parte da história para investigarmos também, a autora tem uma escrita tão gostosa de ler, que faz nós nos sentirmos detetives junto com Kadu e Tatiana, começamos a desconfiar dos personagens, de cuidarmos cada mínima palavra, enfim... Confesso pra vocês que desconfiei até de Neno, acreditam? hahaha
 O livro termina com um grande suspense, logo após a morte do assassino, Kadu recebe outra carta com flores. Será que tem um outro? Será que alguém roubou o "jogo" do assassino antigo? Será que todo esse tempo foram duas pessoas? Isso você só saberá lendo o segundo livro que ainda será lançado pela autora.

 EM UMA FRASE: Quero ver vocês postando hein, #PolianaEnviaOProximoPraKahAntesQueElaTambemMorraDoCoracao . Ótima tag!! AHAHAHAHAHAHAH

SOBRE A EDIÇÃO: Por ser uma publicação independente, Poliana está de parabéns. A capa, a revisão, tudo perfeito nos mínimos detalhes. Realmente parece o trabalho de uma editora profissional.

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~
NOTA:
 

8 comentários:

  1. Adorei a resenha! O livro deve ser incrível <3

    apaixonaadosporlivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Nossas, eu não conhecia o livro! Adorei

    ResponderExcluir
  3. Otima resenha , ainda nao conhecia mais gostei muito 😍😘

    ResponderExcluir
  4. Amei como sempre arrasando nas Resenhas 😘😘 Amei

    ResponderExcluir
  5. BOm dia
    ADoro esses enredos investigativos e já vou colocar na minha lista de desejs!
    Parabéns pela resenha, não deu spoilers e ainda me aguçou de curiosidades!
    Beijos 😘
    Minhas Inspirações por Sara Menezes

    ResponderExcluir
  6. Adorei a resenha.
    Amo livros desse gênero. Anotei o nome do livro.
    rsrs

    Beijos
    www.doceestante.com

    ResponderExcluir